Coordenação

 

JOAQUIM CARDADOR DOS SANTOS

Presidente do Conselho de Administração

 

 ----------------------------------------------

 

MIRIEME FERREIRA

Coordenadora Técnica

VER MAIS
Ler + Rede Portuguesa de Municípios Saudáveis
Ler + Coordenação
Ler + Rede de Cidades Saudáveis da OMS

Organograma
Órgão deliberativo, constituído por todos os associados. Integram, atualmente, a mesa da assembleia os municípios de Viana do Castelo, Odivelas e Miranda do Corvo.
Composto por um técnico de cada município associado.
Órgão executivo composto por cinco municípios eleitos pela assembleia intermunicipal. Actualmente composto pelo Seixal, Lisboa, Montijo, Oeiras e Palmela.
Estatutos

A Rede Portuguesa de Municípios Saudáveis rege-se pelos estatutos publicados no Diário da República – III Série (N.º 5/98 de 7 de janeiro de 1998). Estes estatutos sofreram uma modificação no artigo 3 e no n.º1 do artigo 19, aprovados em Assembleia Intermunicipal, a 9 de maio de 2011.

DOWNLOAD DOS ESTATUTOS

Parcerias

Porque trabalhar em rede significa, entre outras coisas, potenciar as parcerias existentes, a Rede Portuguesa de Municípios Saudáveis consolida-se no alargado leque de parceiros locais e (...)
VER MAIS
Alguns membros RPCS


VER MAIS



"UMA CIDADE SAUDÁVEL É AQUELA QUE ESTÁ CONTINUAMENTE A CRIAR E A DESENVOLVER OS SEUS AMBIENTES FÍSICO E SOCIAL, E A EXPANDIR OS RECURSOS COMUNITÁRIOS QUE PERMITEM ÀS PESSOAS APOIAREM-SE MUTUAMENTE NAS VÁRIAS DIMENSÕES DA SUA VIDA E NO DESENVOLVIMENTO DO SEU POTENCIAL MÁXIMO."


GOLDSTEIN E KICKBUSCH (1996)

ÚLTIMOS PROJETOS

Guarda
Intervenção em Meio prisional

O QUE É?

Ações de Formação sobre:
a) Estilos de vida saudável
b) Saúde oral
c) Acidentes e Prevenção
d) Condução sob efeito de medicamentos/álcool e outras substâncias
e) Saúde ambiental
f) Doenças crónicas infecciosas e não infecciosas
g) Redução de Riscos e Minimização de Danos
h) Atuação em emergência

 

O QUE FAZ?

Trata-se de uma intervenção integrada, com diferentes intervenientes, desde a Escola que, para além dos conteúdos programáticos e formação tecnológica, trabalha o Tema de Vida, que aborda vários temas do interesse dos alunos, (e.g. no ano letivo de 2016/17 foi trabalhado o tema “Emoções e Afetos” e no atual ano letivo “A Reinserção social”), o Hospital Sousa Martins, o Centro de Saúde da Guarda, a Escola Superior de Saúde, a APDES (Agência Piaget para o Desenvolvimento Social), e os Bombeiros Voluntários da Guarda, são intervenientes na área da saúde, complementando a formação escolar e profissional dos alunos, assim como a população reclusa não integrada no Ensino e Formação Profissional; de igual forma a Cáritas Diocesana da Guarda em colaboração com a Rede Europeia Anti-Pobreza (Núcleo da Guarda e o Projeto “Tu Decides +” do Núcleo Social da Guarda Gar (NDS) intervêm na área da Inclusão Social e na promoção da cidadania e igualdade de género.
As ações na área da saúde, são promovidas com o objetivo de capacitar as pessoas de conhecimentos, com vista a melhorarem e a aumentarem o seu controlo sobre a saúde, prevenirem a exposição aos factores de risco das doenças e a adotarem estilos de vida saudáveis.

 

A QUEM SE DESTINA? 

População Reclusa do Estabelecimento Prisional da Guarda.

 

QUE RESULTADOS FORAM ATINGIDOS?

Aquisição de competências e conhecimentos por parte do público-alvo.

 

QUAIS AS PARCERIAS?

Instituto Politécnico Guarda - Escola Superior de Saúde, Hospital Sousa Martins, Centro de Saúde da Guarda, Bombeiros Voluntários da Guarda, Cáritas Diocesana da Guarda, APDES (Agência Piaget para o Desenvolvimento Social).

 

QUAIS OS CONTACTOS DE REFERÊNCIA? 

Estabelecimento Prisional da Guarda
Estrada do Forte
6301-853 Guarda
T: 271212178
E: eprguarda@dgsp.mj.pt

Guarda
Academia da Memória

O QUE É?

A Fundação S. João de Deus, instituída pela Província Portuguesa da Ordem Hospitaleira de S. João de Deus, sediada em Lisboa, e com várias delegações no país, uma delas é na Guarda. É uma Instituição Particular de Solidariedade Social (IPSS) que apoia pessoas em situação de vulnerabilidade, de forma inovadora e sustentada, promovendo a saúde mental e o envelhecimento ativo, ao estilo de S. João de Deus.
O projecto Academia da Memória é uma iniciativa da Fundação S. João de Deus e tem por missão implementar a estimulação cognitiva como um hábito de vida saudável e desta forma promover a optimização do desempenho cognitivo e consequentemente prevenir situações de demência e potenciar um envelhecimento activo.
Na “Academia da Memória” ajudamos os participantes a manter o cérebro activo e exercitado e a estimular a memória. As sessões são desenvolvidas em Centros de Dia, no espaço da delegação da Guarda e Junta de Freguesia da Guarda.

 

O QUE FAZ?

São realizadas sessões de estimulação cognitiva em grupos alvo. Através desta intervenção pretende-se minimizar as perdas cognitivas e a sintomatologia depressiva dos idosos da cidade e das aldeias do Concelho da Guarda. Desta forma pretende-se também reduzir o grau de dependência do idoso, potenciar o envelhecimento ativo e saudável, efetuar avaliações multidimencionais, prevenir situações de demência e promover acesso às tecnologias de comunicação.

Atividades desenvolvidas:
- Rastreios de saúde Mental (Farmácias, Centro de Saúde, Paroquias).
- Sessões de Estimulação Cognitiva em Grupo (comunidade no espaço da Fundação e na instalações da Junta de Freguesia)
- Sessões de Estimulação Cognitiva Individual
- Sessões de estimulação cognitiva nos centro de dia/convívio das aldeias do concelho da Guarda.
- Dinamização de ateliers inovadores adaptados aos gostos e as necessidades do público-alvo (atividade física, saúde, dança, karaté, terapia do riso)
- Formação a Cuidadores
- Criação da mala da memória (conjunto de materiais de estimulação cognitiva adaptados)

 

A QUEM SE DESTINA?

Os idosos com idade superior a 60 anos, autónomas, com alguma incapacidade (temporária ou mobilidade limitada) sem adequada rede familiar e fracos rendimentos, priorizando as situações de isolamento social.

 

QUE RESULTADOS FORAM ATINGIDOS?

Acompanhamos um total 170 idosos do concelho da Guarda;
Realizamos sessões de estimulação cognitiva em 8 freguesias do concelho da Guarda, nos centros de dia;
Semanalmente dinamizamos sessões de estimulação cognitiva em grupo a 20 idosos;
Semanalmente dinamizamos sessões de estimulação cognitiva individuais a 5 idosos;
Dinamizamos diversos workshops de dança de salão e de terapia do riso;

Ao longo das sessões já conseguimos verificar alguns progressos nos idosos ao nível mental, o raciocínio e a memória está mais desperto para os acontecimentos.

 

QUAIS AS PARCERIAS?

Junta de Freguesia da Guarda; GNR; Camara Municipal da Guarda; Biblioteca Municipal Eduardo Lourenço; Escola Superior de Saúde da Guarda; Centros de Dias; Instituto São João de Deus; Centro Cultural da Guarda; 5Sentidos- Espaço de Reabilitação e Intervenção Psicoeducacional, Lda.; Instituto Politécnico da Guarda; Centro Comercial La Vie.

 

QUAIS OS CONTACTOS DE REFERÊNCIA?

Fundação São João de Deus – Delegação Guarda
Rua Com. Salvador do Nascimento, n.º 1
6300-678 Guarda
T: 271 223 028 | 968 529 284
E: academiadamemoria@fsjd.pt | maria.coutinho@fsjd.pt
S: www.fsjd.pt 

Junta de Freguesia da Guarda
T: 271 213 150 | 967 460 904 | 271 239 563 | 969 511 862

VER MAIS
50
MUNICÍPIOS
SAUDÁVEIS
.
Alfândega da Fé
.
Almada
.
Almodôvar
.
Alvito
.
Amadora
.
Azambuja
.
Barrancos
.
Barreiro
.
Beja
.
Braga
.
Bragança
.
Castro Marim
.
Figueira da Foz
.
Golegã
.
Gondomar
.
Guarda
.
Lagoa (Açores)
.
Lagoa (Algarve)
.
Lisboa
.
Loulé
.
Loures
.
Lourinhã
.
Lousã
.
Matosinhos
.
Miranda do Corvo
.
Monchique
.
Monção
.
Montijo
.
Odemira
.
Odivelas
.
Oeiras
.
Palmela
.
Ponta Delgada
.
Portimão
.
Porto Santo
.
Póvoa de Lanhoso
.
Ribeira Grande
.
Seixal
.
Serpa
.
Sesimbra
.
Setúbal
.
Soure
.
Tábua
.
Torres Vedras
.
Valongo
.
Viana do Alentejo
.
Viana do Castelo
.
Vidigueira
.
Vila Franca de Xira
.
Vila Real
 Um município saudável é 
 inclusivo, sensível e para 
 todos os cidadãos 
A Rede Portuguesa de Municípios Saudáveis é uma associação que tem como missão apoiar a divulgação, implementação e desenvolvimento do projeto Cidades Saudáveis nos municípios que pretendam assumir a promoção da saúde como uma prioridade da agenda dos decisores políticos.

Ser Saudável

Fórum Nacional Álcool e Saúde (FNAS)

 

O Fórum Nacional Álcool e Saúde (FNAS) é uma plataforma em que um conjunto alargado de entidades aderem a uma carta de compromisso, que concorre para um agregado de objetivos com base nas metas do Plano Nacional para a Redução dos Comportamentos Aditivos e Dependências, designadamente nas que dizem respeito ao álcool.

 

Essa carta de compromisso define o modo de funcionamento do FNAS, nomeadamente a obrigatoriedade de que as entidades que o integrem tenham uma dimensão nacional e assumam um compromisso de ação individual ou em parceria, através do qual contribuam para o cumprimento das supracitadas metas.

 

COMPROMISSO ASSUMIDO PELA RPMS

Sendo o álcool uma das três áreas prioritárias da saúde pública do mundo, a Associação Rede Portuguesa de Municípios Saudáveis , assumiu o compromisso de iniciar um processo de auscultação aos 45 municípios membro no início do compromisso, em 2017, sobre atividades e projetos desenvolvidos a nível local, no que se refere à prevenção de comportamentos aditivos (consumo de álcool) nos diversos grupo-alvo.

 

A RPMS compromete-se a esclarecer e motivar os seu membros para a importância da sua participação, com projetos sobre a temática da prevenção do alcoolismo e dos riscos para a saúde.

 

Período de vigência

- Início em 2017

- Término em 2020 

 

Relevância do compromisso

Atingir 10% dos 45 municípios com projetos na área de comportamentos aditivos

 

Municípios abrangidos

Alfândega da Fé, Almada, Almodôvar, Alvito, Amadora, Azambuja, Barrancos, Barreiro, Beja, Braga, Bragança, Castro Marim, Figueira da Foz, Golegã, Gondomar, Lagoa (Algarve), Lagoa (Açores), Lisboa, Loulé, Loures, Lourinhã, Lousã, Matosinhos, Miranda do Corvo, Montijo, Odemira, Odivelas, Oeiras, Palmela, Ponta Delgada, Portimão, Porto Santo, Ribeira Grande, Seixal, Serpa, Sesimbra, Setúbal, Soure, Tábua, Torres Vedras, Valongo, Viana do Castelo, Vidigueira, Vila Franca de Xira e Vila Real.

 

Nota: O Município de Loures tem dois compromissos diretos com o FNAS, enquanto município que acolhe a sede do mesmo.

 



PROJETOS

 

Município

0

Projeto

Alfândega da Fé

 

 

Prevenir… Prevenindo

Vamos Aprender

 

Amadora

 

 

Passa a Palavra

 

Barreiro

 

 

Tas’ca da Saúde

 

Figueira da Foz

 

 

Projeto Localize It!- Estratégias Locais para intervenção no consumo de álcool

 

Lisboa

 

A Segurança Começa em Ti

Autocarro de Prevenção de Comportamentos Aditivos e Dependência

Projeto do Regulamento Interno de Prevenção e Controlo do Consumo do Álcool e Outras Substâncias Psicoativas

 

Matosinhos

 

Consulta de Prevenção e Comportamentos Aditivos

GO – Garantir Oportunidades

Riscos em Debate

 

Odivelas

 

Projeto “Conversar sobre Violência e …”

Programa “Eu e os Outros” – Narrativa 5

 

Oeiras

 

“Nino e Nina – Programa de Competências” e “Crescer a Brincar”

“Eu Passo…” - Programa de Promoção de Hábitos de Vida Saudáveis

Projeto “Moche Tour Agarra a Vida”

Gabinetes de Atendimento a Jovens #CHAT

 

Palmela

 

Prevenção do consumo excessivo de álcool em meio laboral

 

Seixal

 

Contagiar Saúde

 

Sesimbra

 

Escolhe o teu Caminho

 

Setúbal

 

DizPositivo - Dispositivo Interativo de Prevenção de Comportamentos de Risco

Ciclo de Debates nas Escolas

 

Soure

 

Agarra-te à Vida

 

Torres Vedras

 

Mocktails: Memórias divertidas de uma noite sem álcool

 

Viana do Alentejo

 

Rede de Parceiros de Prevenção do Alcoolismo

 

Viana do Castelo

 

Descobrir para Decidir

 

Vidigueira

 

Não ao Álcool

 

Vila Real

 

Mês da Juventude

 

 


 

LINKS

Fórum Nacional Álcool e Saúde (FNAS)